Cerimônia de Premiação marca 25 anos de atuação do CEAP

Cerimônia de Premiação marca 25 anos  de atuação do CEAP

Centro de Estudos e Assessoria Pedagógica/CEAP, na noite do dia 23 de março, celebrou a 3ª edição do ‘Prêmio CEAP de Educação/ano letivo 2017’, iniciativa institucional anual de reconhecimento e valorização do trabalho docente dos professores da rede municipal de Educação da Cidade de Salvador. O evento marcou também os 25 anos de atuação do CEAP, organização não-governamental que estrutura seu trabalho no fortalecimento da Educação pública brasileira.

A cerimônia de premiação, realizada na Sala de Artes do Colégio Antônio Vieira, foi aberta com uma palavra da presidente do CEAP, a Profa. Denise Guerra, ressaltando a importância de eventos de reconhecimento e premiação a boas iniciativas dos professores. Enfatizou ainda que, mesmo diante do contexto de enormes dificuldades no exercício do papel docente, os professores estão conseguindo (re)existir aos desafios cotidianos e realizam excelentes projetos de aprendizagem.

Assistimos em seguida, ao vídeo de Cláudio Andrade,  apoiador do prêmio, parabenizando todos os professores pelo esforço  e dedicação demonstrados em favor da qualificação da educação da escola pública.

O evento contou com a presença de professores e gestores da rede municipal, além de seus familiares, bem como parceiros e assessores institucionais do CEAP. “O sentido do prêmio é, sobretudo, destacar práticas pedagógicas transformadoras que possam inspirar iniciativas semelhantes em toda a rede municipal. É uma forma, inclusive, dos próprios professores da rede conhecerem iniciativas exitosas dos seus pares”, enfatizou a coordenadora do Prêmio, Profa. Maria Auxiliadora Melo. 

Compreendido como espaço formativo, o evento oportunizou aos presentes breve apresentação, inspirado no formato ‘TED Educação’, dos 09 projetos finalistas dessa edição. Cada professor-concorrente expôs, em até 05 minutos, seu projeto experenciado, recebendo calorosos aplausos da atenta plateia. Confira abaixo a lista dos projetos finalistas:

  1. Projeto “Eu e o Outro: seja bem vindo e volte sempre”. Professora Iaçanã da escola Roberto Santos;

  2. Projeto “Consciência, Identidade e Cidadania”. Professor Haeckel, da escola Maria Dolores;

  3. Projeto “Negras imagens, bonitas Imagens”. Professora Dejanira, da escola 08 de Maio;

  4. Projeto “Mistura de três povos, formação de uma cultura só…vamos aprender no ritmo do Carimbó!!!”. Professora  Maria D’Ajuda, do CMEI Álvaro Franca;

  5. Projeto“A África em nós: um olhar para quem não se olha”. Professora Cecilia, da escola São José;

  6. Projeto Periperi: Meu Orgulho! Meu Amor! Esse é o meu lugar. Profa. Silmara, da Creche e pré-escola 1º. Passo de Periperi;

  7. Projeto Periperi: Meu Orgulho! Meu “Amor: do veraneio ao comércio”. Professora Luana, da Creche e pré-escola 1º. Passo de Periperi;

  8. Projeto “Eu e minha cultura: os encantos de uma mistura”. Professora Maristela, do CMEI Álvaro Franca;

  9. Projeto “Família, comunidade da onça e o Nordeste: formação das “cri-onças” da comunidade de Sussuarana sobre pilar familiar e referências nordestinas”. Professor Sérgio Ricardo, da escola Manoel Francisco de Brito;

Ao final da apresentação fora exibido no telão um vídeo-testemunho do fundador do CEAP, Pe. Domingos Mianulli SJ, compartilhando a sua alegria com a vitalidade do Centro e parabenizando as inúmeras iniciativas educativas de valorização do trabalho dos professores.

A culminância da cerimônia se deu com o anuncio das 03 instituições vencedoras dessa 3ª edição do Prêmio CEAP de Educação, bem como a cessão de placas de reconhecimento aos professores ganhadores, coordenadores e diretores das instituições.

Primeiro Lugar: Professora Dejanira Rainha Santos Melo, da Escola 08 de Maio. Com o Projeto Negras Imagens, Bonitas Imagens”. DESTACADO pela sensibilidade pedagógica ao trabalhar as questões de identidade ético-raciais e suas imagens, bem como a potencialidade dos dispositivos didáticos escolhidos, valorizando os diversos canais possíveis para agenciar as experiências aprendentes dos seus sujeitos.

Segundo Lugar: Professor Sérgio Ricardo Santos da Silva, da Escola Manoel Francisco do Nascimento Brito com o Projeto “Família, comunidade da onça e o Nordeste: formação das “cri-onças” da comunidade de Sussuarana sobre pilar familiar e referências nordestinas”DESTACADO pela originalidade em trabalhar com histórias que resgatam o sentimento de pertencimento e o fortalecimento da identidade dos estudantes, da escola e da comunidade.

Terceiro Lugar: Professora Cecilia de Fátima Oliveira Santos,  da Escola São José com o Projeto “A África em nós: um olhar para quem não se olha”. DESTACADO pela riqueza da prática pedagógica, envolvendo a escola em todo projeto na construção dos processos identitários e de pertencimento dos sujeitos aprendentes.

O CEAP parabeniza a todos os participantes e conta com a mobilização dos docentes da rede municipal de Salvador para inscrição na 4ª edição do Prêmio, ano 2018.

 

Confira aqui fotos da noite de premiação.

IMG_2731

Prêmios dos Vencedores

IMG_2762

Professoras da Escola São José

IMG_2757

Professoras do CMEI 

IMG_2864

Professoras das Escolas Parceiras

IMG_2859

Professora Iaçanã

IMG_2783

Platéia do III edição do Prêmio CEAP de Educação 

IMG_2899

Ganhadoras do Terceiro Lugar

IMG_2906

Ganhadoras do Segundo Lugar

IMG_2913

Ganhadoras do Primeiro Lugar

IMG_2914

Ganhadores do III Prêmio CEAP de Educação 

IMG_2918

Equipe CEAP e representantes das escolas ganhadoras